Vesúvio lamento

Alegra-te comigo amigo e olha pra dentro de ti
Deixa que as alegrias respondam a tantos sentimentos plenos
Confraternizando com divagantes memórias onde farejo guloso
Esta solidária inocência veraneando estancada em todo festejo latente
Engarrafado numa vaga de desejos tão eufóricos e veementes

A melancolia é agora partidária de uma saudade
Meteórica e tão autoritária algemando cada palavra
Que se reergue qual fénix delirante pousando mercenária
Entre os sílios da solidão sistólica que resguardo tão temerária

Na travessia do tempo rejuvenesce o amor inflectido
Em ilusões tamanhas cercada de angulares momentos
Que se prostram consolando aquela hora divertida catalogando
Nossas paixões descomunais…quase primitivas mas tão factuais

Agiganta-se a noite uivando num vesúvio de lamentos
E lavas trovando, acalmando a bela e pujante erupção de beijos
Inflamantes madurando o desenfreado fogacho de solidão
Acantonada à beira de um sonho charruando extasiado…em convulsão

FC

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s